Artigos

Imagem pessoal para recepcionistas de eventos

“A imagem construída com inteligência e charme ajuda na comunicação com o outro. Incorpora confiança. Não é uma questão de simples vaidade, mas de sobrevivência”.

Costanza Pascolato, editora de moda.

“A aparência é um depoimento de identidade que serve para uma carreira e colocação profissional”
Glória Kalil

Para os recepcionistas de eventos, a imagem pessoal contará muitos pontos para o êxito da solenidade, visto que a recepção aos convidados ficará a cargo dos mesmos.

 

A boa aparência e comportamento adequado são ferramentas imprescindíveis para o reconhecimento no âmbito profissional e social, pois somos observados por pessoas de vários níveis e funções, que poderão dar um retorno positivo ou negativo a nosso respeito.

 

Segundo o autor Gilberto de Almeida, você tem apenas dez segundos para obter êxito, sendo difícil uma segunda chance de causar uma boa impressão e esta pode ser decisiva para o seu futuro.

 

Durante esse parco tempo, somos avaliados quanto às roupas, a aparência, a postura, os gestos, a comunicação e os hábitos, prevalecendo a frase: a primeira impressão é a que fica.

 

Outro aspecto ligado à imagem é adequá-la à tipologia do evento, considerando, dessa forma, o grau de formalidade ou informalidade do ambiente.

 

Entretanto, a imagem pessoal não deve ser apenas uma falsa embalagem, mas estar aliada às competências técnicas e atributos profissionais para que seja verdadeira.

 

Seguem algumas considerações gerais, sobre os cuidados a serem observados, que poderão sofrer algumas modificações conforme o tema do evento:

 

Mulheres:

Maquiagem leve e discreta.
Unhas bem feitas com esmalte claro, cabelos preferencialmente presos ou semi-presos.
Vestuário, bijuterias, calçados e perfumes discretos.
Cuidar do uniforme e acessórios que serão determinados de acordo com o tipo do evento.

 

Homens:

Barba feita, unhas limpas e cortadas, cabelos curtos.
Evitar tatuagens ou piercings aparentes.
Evitar bijuterias.
Utilizar vestuário e calçados bem cuidados.
Comportamento:

Não fumar, não mascar chicletes, não tomar bebidas alcoólicas, não estimular ou favorecer intimidade com o cliente.
Comunicação:

Comunicar apenas o essencial para o evento.
Evitar conversas paralelas ou particulares.
Não cochichar.
Não usar gírias.
Não caçoar das pessoas.
Ser simpático e cordial com os participantes.
Saber ouvir.
Saber atender ao telefone, pois em muitas ocasiões trabalhará com o mesmo.
Estar inteirado sobre a programação oficial do evento,
Procurar informações sobre o local e toiletes.
Treinamento:

Os recepcionistas devem ser treinados e orientados para se conduzirem de acordo com as exigências do evento: entrega de certificados, crachás e pastas, resolução de dúvidas gerais dos participantes, inscrições, auxílio de auditório e, em casamentos ou eventos sociais, seguir o roteiro do cerimonial.

 

No próximo post: Atuação do Recepcionista de Eventos em Casamentos.

 

Por: Luiza Miranda

Promotora de Eventos, Cerimonialista e autora do livro: Negócios e Festas – Cerimonial e Etiqueta em Eventos

Anterior

Surgiu aquele almoço de negócios, e agora?

Próximo

Dicas sobre brindes personalizados

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *